terça-feira, agosto 09, 2005

Dúvida inexistente

Aparentemente José Peseiro está bastante indeciso entre o Custódio e o Sá Pinto para jogar contra a Udinese. Apesar de gostar bastante do número dez verde e branco, penso que não há a mínima dúvida: Custódio é um elemento ESSENCIAL na estrutura do "11" leonino.
Espero que o "padeiro" não volte a inventar como fez nos jogos contra o Benfica (Custódio no banco numa altura que estava em boa forma e era dos jogadores leoninos que estava a jogar melhor, Moutinho encostado à faixa esquerda do terreno para "travar" um lesionado Miguel, etc, etc) e CSKA (Rogério a médio direito quando tinha estado algum tempo lesionado e quando é sabido que o brasileiro não rende tanto como a defesa direito, Daniel Carvalho sem marcação directa, etc, etc) ...
Peseiro, se estás a ler, segue a equipa que VAIS colocar a jogar amanhã: Ricardo; Rogério, Beto, Polga, Edson; Custódio, João Moutinho, Rochemback, Douala; Deivid e Liedson.
Escreve na mão se achares que te vais esqueceres!

1 Comments:

At 8/10/2005 04:39:00 da tarde, Anonymous Franz Cajuda said...

Concordo com os dizeres do amigo Leão, salvo no que se refere ao Douala no meio campo. Este jogador, fruto das suas características, num 4x4x2 deve jogar ao lado do Liedson encostado à linha, posição onde melhor jogou no ano passado. A jogar no meio campo, perde influência e desvitaliza essa parte do terreno, que constitui elemento crucial ao jogo do SCP. A solução na minha opinião passaria por adoptar um 4x3x3 com o Douala, Liedson e Deivid na frente, mas o Padeiro não pode mudar o estilo de jogo, pois, contrariamente ao Chelsea, por exemplo, que adapta o seu jogo ao adversário, o Peseiro acha que o SCP tem que jogar sempre da mesma forma, ignorando as diferentes características das equipas adversárias. Essa maneira de pensar, custou-nos o campeonato e a UEFA o ano passado.

 

Enviar um comentário

<< Home