sábado, julho 23, 2005

Apresentação do Deivid

Já tive a oportunidade de comentar este assunto com o "Menino" e mais uma vez estamos de acordo. Era inclusive, para lhe deixar escrever sobre este assunto mas não resisti.

Ontem assitiu-se a uma das cenas mais rídiculas da história do futebol português.

Ao longo dos últimos dias fui ouvindo, desconfiado, que Sporting acabara de contratar uma grande estrela mundial. Como nunca tinha ouvido falar do tal Deivid fui-me calando, não fosse ser considerado um ignorante nestas coisas do futebol.

Mas ontem quando cheguei a casa tive a oportunidade de ver a apresentação do tal Deivid. Passaram-se pensei, para mim mesmo, no final da reportagem.

Já não falo do extâse, do orgasmo televisivo, do administrador do Sporting Paulo Andrade - acho que é assim que chama - que com um ar meio tresloucado e despenteado foi largando elogios como se de um Maradona ou um Ronaldinho se tratasse. Isso é com os adeptos do Sporting e cada um vaz presta-se ás figuras que quer.

Falo, isso sim, do facto desse mesmo administrador quase ter exigido a chamada de Deivid á selecção portuguesa. Isso diz respeito a todos nós e essa declaração só pode ser explicada pelo tal orgasmo. Um jogador brasileiro, bom ou mau não está em causa, aterra em Portugal, possívelmente pela primeira vez na sua vida, e 10 minutos depois temos um dirigente do terceiro clube mais importantes do país a reclamar que seja chamado à equipa nacional.

Era o que mais faltava... Fui contra a chamada de Deco, como seria de qualquer estrangeiro que jogasse no Benfica. Mas ao menos o Deco estava há seis anos no nosso país e fez a sua carreira aqui.

E já agora como confessei anteriormente, não conhecia o Deivid. Com medo que de facto o Sporting tivesse encontrado uma péroloa por descobrir, uma verdeira estrela mundial fiu informar-me sobra a carreira. Descobrir que em 28 jogo pelo Bordéus o tal Deivid marcou 3 golos ficando muito longe da marca do nosso Pauleta.

Até pode ser que o Deivid se torne num Liedson, mas tudo isto fez-me lembrar o comentário de um conhecido jornalista brasileiro, que chegou a envolver-se fisicamente com o Scolari em plena confrência de imprensa que, em conversa comigo e com outro convocado do Bandeirnha nos dizia:

"o problema dos brasileiros, aqui em Portugal, é que qualquer jogador mediano que ganha no brasil 4.000 euros vem para aqui ganhar 70.000 e é considerado uma grande estrela e é o idolo da torcida. Depois acham que podem fazer tudo".

Ainda bem que Paulo Andrade nunca a deve ter ouvido. Era menos um orgasmo que teria na sua vida.

3 Comments:

At 7/24/2005 12:05:00 da manhã, Blogger meia distância said...

Deivid não podia ser mais claro:

"todo o jogador tem o sonho de jugar NUMA selecção".

Numa qualquer?

Palhaços!
Se este for paara a nossa, torço pela Inglaterra no mundial.

 
At 7/24/2005 09:40:00 da tarde, Blogger O Menino Afogado no Rio said...

estas declarações, são as declarações mais ridiculas da historia do futebol portugues. eu estava completamente incredulo. já percebi, que o dias da cunha está bem acompanhado, este paulo andrade, tambem não bate bem da bola.

 
At 9/01/2005 12:51:00 da tarde, Anonymous Anónimo said...

3º clube mais importante do pais? LOOOOOOL
deves andar a ver mto canal história ou então deves andar esquecido das humilhações q o clube dos pobres dá ao pais, se fores a ver o "3 clube do pais" nos ultimos anos ganhou mais q o teu clube dos mantorras, 6 milhões de adeptos nem a contar com os mortos os tens, e isso vê-se pelo fiasco do kit socio toxicodependente, q ng fala, já para não falar da equipa de 2/3 categoria q a tua miserável equipa apresenta. Qto aos comentarios sem duvida q são ridiculos, mas olha q já vi fazerem bem piores e todos oriundos do orelhas "o benfica em 3 anos vai ter mais de 500 mil sócios e será maior q o real madrid" - se a tua memória n for curta e perceberes o minimo de futebol saberás do que estou a falar.

 

Enviar um comentário

<< Home