sexta-feira, fevereiro 03, 2006

A quem interessar...

Ronald Koeman lamentou esta sexta-feira a situação de Adriaanse, que foi vítima de tentativa de agressão por parte de alegados adeptos do F.C. Porto. O treinador do Benfica lembrou a todos que o rival e compatriota está em primeiro na Liga.
«Foi uma situação grave, mas venho de um país que já teve muitos problemas desses. É falta de respeito. Conheço-o e sei que trabalha todos os dias para melhorar a equipa. Teve o azar de ser afastado das provas europeias, mas está na taça e é o primeiro da Liga!», atirou.
... aqui vai uma bela chapada de luva branca para os "super-morcões" e para todos os "camelos" (marroquinos, ou não) que tanto têm criticado o desempenho de um treinador que, não sendo perfeito, nem estando isento de errar, levou o FCP ao 1.º lugar - relativamente folgado - do campeonato.
Um cumprimento também ao treinador do SLB que, mesmo já tendo tido algumas desavenças pessoais com o amigo CO, fez questão de demonstrar que é um homem digno do clube (e mais não digo...) que representa.

4 Comments:

At 2/03/2006 02:56:00 da tarde, Blogger Pontapé na Atmosfera said...

"voces sabem do que eu estou a falar.... !?!?!?!?!? "

tens de te explicar melhor... não chego lá!
Lamento!

 
At 2/03/2006 03:20:00 da tarde, Blogger Dourador de apitos said...

Não tem nenhum sentido especial...
Só queria dizer que quem critica tanto o Co devia lavar a boca e que o Koeman provou ser um senhor...

 
At 2/03/2006 04:34:00 da tarde, Blogger Benfiquista desolado said...

Camelo até sou agora super-morcão é que não. Mas esses super-morcões a quem te referes são os mesmos que ameaçaram de morte o José Mourinho, que se julgam donos da Avenida dos Aliados, que divertem a atirar pedras em cima das pontes da auto-estrada do Norte aos carros que passam com bandeiras do Benfica e que na época passada também já haviam pedido explicações a um tal de Fernandez
E até ao caso Adriaanse nunca tinha ouvido um dirigente do Porto criticar a sua atitude, antes pelo contrário. Lá diz o ditado quem semeia ventos...

Quanto ao Adriaanse não o critico, mas também sou benfiquista. Não quer isto dizer que não compreenda os adeptos do Porto que o fazem.
Afinal o homem chegou destemido com uma tática que não mudaria nem por nada e que nem gostasse que o assobiasse que ele ia embora.
Pois bem, os sócios não gostaram e depois de uma derrota caseira com o Benfica, que não acontecia de 1994 assobiaram-no. No final ele ficou, a táctica foi às ortigas, e até conseguiu descobrir cachacóis encarnados em 88% das pessoas que nessa noite estavam no Estádio do Dragão.
É um facto que está à frente do campeonato com 4 pontos de vantagem mas não convém esquecer que tem um orçamento 3 vezes maior que o do Sporting e duas que o do Benfica. Por outro lado, dois anos depois do clube ter sido campeão europeu fez um Liga dos Campeões miserável, num grupo até considerado aceesível.
Agora, depois de ir festejar o Natal à Holanda volta com uma táctica nova, um bocadinho estranha, muda metade da equipa que até esa altura esta a ganhar e continua com o Pepe a titular, o unico central de equipa neste esquema. Até mesmo o símbolo Baía - que na minha opinião continua a ser o melhor de Portugal - só por causa do frango habitual da época, sai da equipa e entra o Helton. Isto com a agravante da braçadeira de capitão, utilizada tantos anos pelo agora exilado Jorge Costa, ter passado para o recente titular no FC Porto Paulo Assunção.
A tudo isto temos ainda a juntar o facto da equipa continuar a exibir-se a um nível muito abaixo do que habituou os seus adeptos, e não só.

 
At 2/06/2006 10:45:00 da manhã, Blogger T-Rex said...

É uma boa opção sim senhor dourador - não ter opções...

Sempre podes dar a interpretação que te der mais jeito. Bem ao estilo pintínho-arguido...

 

Enviar um comentário

<< Home