sexta-feira, janeiro 06, 2006

Do Leiria, do Varzim, do Rio Ave, do Abel e da puta relaxada...

Não querendo usar textos de outros autores, aproveito para dizer ao dourador que o jogo é o meu diário de referência, mas não a minha Bíblia...

Quando fala (através do autor que cita) de desconfianças no caso Estoril-Praia, deve estar a referir-se ao jogo do campeonato do ano passado, brilhantemente conquistado pelo Glorioso.
E aproveita para falar do Apito Dourado, tornando-o uma coisa menor quando comparado com este jogo.
Se bem me lembro, no dia 24 de Abril de 2005, no estádio do Algarve (que bonito estava!) o Benfica viu-se em grandes dificuldades para vencer a equipa canarinha. Um golo de Mantorras deu os três pontos, bem suados, que tanto contribuiram para a caminhada para o título.
Não vi nesse jogo qualquer jogador do Estoril a ficar de fora por acordo de cavalheiros entre os presidentes. Tal facto seria ilegal. E escandaloso.
Não vi nesse jogo o Estoril a baixar os braços desde o primeiro minuto, deixando o Benfica jogar o que lhe apetecesse.
Também não vi o Benfica contratar (ou apalavrar contratos com) jogadores do Estoril na semana que antecedeu o jogo.

O fim do Estoril-Praia já estava definido há mais tempo... Desde que a dupla Damásio/Figueiredo tomaram conta dos destinos do clube, que o seu fim só podia ser este. Fizeram o mesmo no Benfica. A diferença é que (mesmo tirando mais) no Benfica havia mais para comer.

Relativamente à chapada, já tudo foi dito no post tiro de aviso. A diferença é que o nosso capanga é o que é... o abel usa uma identificação ilegal da psp... por isso, não venham falar da ausência de resposta das autoridades.

De putas estamos conversados... com o casamento de PC, torna-se verdadeira a frase: as putas ao poder, que os filhos já lá estão.

4 Comments:

At 1/06/2006 08:40:00 da tarde, Blogger T-Rex said...

O único jogo (nos últimos ANOS) que me lembro de realmente ter havido trafulhice, foi quando para que um determinado "craque" ficasse "limpo" e jogasse o jogo seguinte com o principal rival, uns sehores defensores da verdade e dignidade no futebol "besuntaram" as mãos a uns fulanos da 3ª divisão para antecipar o jogo da taça. Resultado: Esse mesmo craque (que ultimamente não o tem conseguido por aí além) ficou limpo e contra o rival realmente RESOLVEU o jogo que não deveria ter jogado - caso houvesse DIGNIDADE e DESPORTIVISMO (o que são estas coisas?!?) com 2 batatas...

 
At 1/07/2006 12:39:00 da tarde, Blogger Figas_21 said...

Só não convém é falar dos casos que houve no jogo , nem no jogador expulso mas tb n interessa, n é? Aliás , até pq o pp treinador estava felicíssimo com a mudança para o Algarve, só podia ser bom , se bem me lembro o comentário dele foi qq coisa como "parecia um jogo de apresentação do benfica" . Aliás , penso que foi o pp Veiga que depois até "traçou" o destino desse mesmo treinador , mas ... espera... ele não podia pois não ?? Afinal não é permitido ser sócio maioritário de um clube e representar outro clube na mesma liga, ou é ? Acho que se chama qq coisa como CONFLITO DE INTERESSES... mas prto. De resto, só um aparte, deixem as putas em paz que elas não têm nada haver com o futebol, nem são da tua conta nem de ninguém ... só te fica mal .

 
At 1/08/2006 12:30:00 da manhã, Anonymous miccoli said...

Deixar as putas em paz...? Eu sei que isto é um blog de futebol mas se deixam de falar de putas vou deixar de vir cá!

 
At 1/09/2006 11:34:00 da manhã, Blogger Dourador de apitos said...

Meu Caro Meia,

Lamento que não tenhas percebido a intenção e o alcance do meu post e da transcrição feita...

Como imaginas e eu referi expressamente, não estva em causa o SLB, nem o jogo com o Estoril, mas o estado geral das coisas, designadamente a (in)diferença entre o PC e os seus acólitos e o LFV e os seus capangas (andaram juntos na mesma escola...).

Mas como sei que és muito mais racional a falar do que a escrever, um dia destes falamos sobre isto...

 

Enviar um comentário

<< Home