terça-feira, fevereiro 22, 2005

O Jumento Véron

"INTER – AVERSÁRIO DO FC PORTO NA LIGA DOS CAMPEÕES
Verón fala de um adversário duro, mas não consegue destacar jogadores do FC Porto
Não conheço nenhum.
APPIANO GENTILE - É uma das principais figuras do Inter e está em grande forma. A exibição em Udine e o míssil que furou as redes do adversário serve de aviso para o FC Porto, equipa que considera "acessível". O argentino vai mais longe e, questionado por A BOLA sobre quais os portistas mais perigosos, respondeu que não conhecia ninguém nos dragões..."

O argentino Véron foi, em tempos, um dos melhores jogadores do mundo...
Esta época foi dispensado - sem que se percebesse muito bem porquê... - pelo "nosso" (desde que abandonou o FCP) José Mourinho.
Ora, parece que já se sabe a razão de tal dispensa: o homem não vê televisão há dois anos, não lê jornais desportivos há igual período e, ainda para mais, adormece nas palestras dos seus treinadores (isto a menos que se admita que o Mancini - que já levou 4 secos do FCP e ficou a ver a final da taça UEFA pela televisão - não tenha mostrado aos seus jogadores quem vão defrontrar na competição internacional mais importante de clubes...).
Em suma, a inteligência deste burro não excede a de um jumento, o que só prova que o Mourinho é, de facto, "special"...

2 Comments:

At 2/22/2005 06:14:00 da tarde, Blogger Benfiquista desolado said...

Em defesa de Véron.
O comentário de Véron seria incompriensível se o FC Porto não tivesse vendido quase a totalidade do plantel campeão europeu e que tão bons resultados deu ao futebol português. Hoje em dia é preciso notar, e por isso desculpo Verón, que o FC Porto é composto na sua maioria por jogadores brasileiros desconhecidos com expeção de Diego e Fabiano. Para além do mais ao ritmo que o Porto tem contratado e vendido os seus atletas, tal como treinadores, Véron talvez tenha optado por não arriscar qualquer nome não fosse já ter sido despedido em perídodo experimental.

 
At 2/22/2005 06:30:00 da tarde, Blogger Dourador de apitos said...

Concordo inteiramente. Foi esquecimento meu...
De facto, o Véron não tem qualquer obrigação de conhecer jogadores como o Vítor Baía, o Jorge Costa, o Costinha, o Maniche, o Nuno Valente, o Quaresma, o Postiga ou o Seitaridis...
Na verdade, toda a gente sabe que na Argentina, em Espanha, em Itália e em Inglaterra, não se fala das competições europeias de clubes, nem, tão pouco, de competições como o Mundial ou o Europeu...
As minhas desculpas ao atento e arguto astro argentino.

 

Enviar um comentário

<< Home